Skip to content

September 5, 2009 -

8

O que rolou no Nokia World 2009

Acabou. E já faz algum tempo. E nós aqui ficamos na vontade.

O evento foi de arrebentar. Na realidade, não o evento, nem os keynotes, que foram pouco comentados em sua maioria. O que vai ficar na lembrança desse NW são os diversos lançamentos feitos pela marca. Foram muitos. Inclusive em áreas em que a Nokia não é muito atuante, como serviços e dispositivos que não são celulares.

Para resumir o evento e pagar promessas, eis o resumo do que foi apresentado por lá. Impossível ser muito profundo, ou vocês cairiam mais ainda de sono ao final do post. Mas os pontos importantes estão todos aí. Qualquer assunto em aberto ou dúvida, não deixe de comentar.

Nokia X3

Nokia X3

Nokia X3

O lançamento mais simplório do Nokia World 2009. Um daqueles aparelhos mais antigos reembalados, só com a carinha nova. Vem até sem touchscreen. É um aparelho bonito, com design mais novo e integrado aos novos serviços lançados pela Nokia. Devo parte dessas informações e críticas ao Vegetando, que conseguiu ver algo nele além do simplório. Esse é o novo modelo padrão da Nokia. Se preparem para vê-los por aí.

Nokia X6

Esse sim, um X que vale a pena falar sobre. Tanto que foi um dos aparelhos mais citados na cobertura pelo Twitter. Esse aparelhinho que não parece muito diferente da sua metade é o primeiro celular Nokia com touchscreen capacitiva! Antes que alguém tenha dúvidas, ele tem sim uma bela tela de 3.2″ com sensor capacitivo. Por dois motivos: 1) Foi confirmado pela Nokia (apesar de ter rolado uma grande confusão com relação a isso) e 2) é fisicamente impossível até onde entendo da física por trás dos sensores de toque (por conta das películas metálicas) ter uma tela resistiva atrás de um vidro (resistente a riscos; ver especificação da tela).

Nokia X6

Nokia X6

Como diversos outros lançamentos, vem com mais algumas características interessantes, como memória interna de 32GB, camêra de 5 megapixels, GPS e acelerômetro. Só que nem tudo é perfeito: não há entrada para cartão, então contente-se com os 32GB internos. Outras coisa interessante é que o aparelho vem com alguns jogos instalados. Mas não tem direcional. Se vira com a tela.

Nokia N97 Mini

Nokia N97 Mini

Nokia N97 Mini

Muito parecido com seu irmão maior (N97), o Petit N97 é basicamente o irmão pequenino. É alguns milímetros menor em todas as dimensões (tirar centímetros seria uma tarefa para Hércules); 12 gramas mais leve (o que deve ser bem difícil de perceber); tem tela de 3.2″, contra 3.5″ do irmão mais velho. E parece que as vantagens acabam por aí. Se é que isso é vantagem para todo mundo.

Outras coisas também diminuíram no mini: a bateria dura 20~33% a menos (o que deve fazer muita diferença); a memória interna vai até 8GB apenas, enquanto o N97 chega a 32GB; e não tem suporte nativo a video-chamadas. E o mais importante: o Petit N97 é €70 mais barato (€529 em preorder) que o valor padrão do antecessor (€599).

Nokia 5800 Navigation Edition

Nokia 5800 Navigation Edition

Nokia 5800 Navigation Edition

O 5800 Navigation Edition (vamos ser mais íntimos e chamá-lo de 5800NE) é pouco diferente do irmão 5800 Xpress  Music (5800XM, se me permitem). Ao invés de vir com música (tradução tosca de Comes With Music), esse vem com mapas da Ovi Maps, licenciado para sempre para voice-guided driving e walking directions (que em português ficam tão toscos quanto a tradução anterior). Além de vir em outra cor, uma característica que o Vegetando não me deixou esquecer. Importantíssimo.

Nokia 5230

Nokia 5230

Nokia 5230

O 5230 tem como foco os usuários que curtem compartilhar fotos, vídeos, utilizar redes sociais e tal, mas que não precisam de um N97 para sobreviver. Com design bem parecido com o 5800 (tanto o XM quanto o NE), vem com suporte nativo ao Ovi Share, serviço de compartilhamento da marca finlandesa, e a diversas redes sociais. Os únicos problemas são a memória interna miudinha (70MB) e a câmera de apenas 2.0 megapixels. O primeiro, ao menos, é possível resolver utilizando um microSD. O segundo, paciência.

Nokia N900

Nokia N900

Nokia N900

E por fim. Tchan-tchan-tchan-tchan! O aparelho mais esperado. De longe o maior lançamento da Nokia no NW09. Só foi um pouco ofuscado pela tela capacitiva do X6, mas nada que tirasse sua majestade.

Como seu hardware foi largamente discutido pelo Vegetando aqui, vou me concentrar nas informações mais importantes que surgiram no Nokia World deste ano. O feedback do pessoal que brincou com ele foi muito grande. Praticamente tudo o que se falou foi positivo. Tela com resposta rápida, hardware gráfico muito bom, navegação intuitiva, aplicativos muito interessantes, e (praticamente) tudo isso é softwarte livre! =) Um aparelho que não deixa nada a desejar com relação aos mais requintados smartphones da marca, como o N97 e o Petit N97. E bate de frente com dispositivos de outras marcas também, inclusive aquele lá.

Nokia N900

Nokia N900

Se você também está com pressa, o N900 já está disponível em pré-venda em vários lugares do mundo (como twitado por mim) por €599 na Europa (Itália, Alemanha e outros países) e $649 nos EUA (aproximadamente R$1300).

Nokia Booklet 3G

Nokia Booklet 3G

Nokia Booklet 3G

Antes de mais nada, uma péssima notícia para mim: esse brinquedo vem com 7 pecados embutidos. Coisa triste. Mas é fato que vão colocar software livre para rodar nele. É só uma questão de tempo. E o tempo é só para ele aparecer. Porque o resto vai ser rapidinho.

Se você conhece alguns netbooks, verá que a especificação do Booklet não tem nada de mágico. Disco de 120GB. Belo case de alumínio. Baixo ruído.  Wifi e 3.5G. SMS. GPS. BlueTooth. HDMI. Nada de muito fantástico até aqui. O ponto forte do pequeno é a bateria: promessa de 12 horas de uso! Isso significa que nunca mais precisaremos ficar caçando tomadas nas coberturas de eventos. Fio agora, só do mouse!

Serviços

Ovi

Ovi

É um telefone bem mais básico para o público que não tem dinheiro ou não se adapta a telefones touchscreen.. É como lançar um celular antigo, mas com um design diferente, algumas facilidades de software (integração com serviços mais novos) e uma forma de prender o usuário a serviços.. (ovi.. )

No evento, a Nokia mostrou que está mudando de posicionamento no mercado. Não querem mais apenas ser criadores de gadgets maravilhosos. O objetivo agora é entrar fundo no mercado de aplicações para dispositivos móveis, numa jogada muito parecida com a feita pela Apple anos atrás. Estão correndo atrás do prejuízo.

Começando pelo Ovi SDK Beta, kit de desenvolvimento que foi anunciado por lá. Mesmo em beta, é um passo importante para os desenolvedores de aplicações para a plataforma. É o primeiro passo para entrar num dos maiores mercados da mobilidade.

Mas não foi só isso. Foram anunciados também vários serviços novos, como o Ovi lifecasting, que integra redes sociais e serviços de mapas, e o Ovi Maps Beta for mobile, que promete uma nova experiência em serviços de mapas. Outro serviço que foi expandido foi o Nokia Messaging, que ficou mais social, funcionando como cliente integrado  para várias redes sociais.

Concluindo

O evento se foi. Mas os lançamentos estão todos aí em preorder. E esse é um ponto interessante do efeito Nokia World: não há um só aparelho disponível (aka Now Available) para compra: todos estão em peorder mesmo. Caso você seja um felizardo e conseguir um desses, de um alô. E não se esqueça de nos escrever se puder emprestar os aparelhos para fazermos reviews.

Nesse Nokia World, a Nokia mostrou que expandir horizontes é sua nova política. Booklet, serviços, Ovi SDK. E também que ainda sabe, como sempre soube, criar os melhores dispositivos do mercado. Agora, é só esperar para colocar a mão em alguma novidade.

Posts Relacionados